10.3.08




Lutam para serem os primeiros
não adivinhando no quê.
Tentam vencer o sufoco,
da repetição.
Não baixam os braços,
não sabendo muito bem
onde estão.
Escorregam nos erros repetidos.
Sem os recordarem...

(tenho que começar a abrir mais isto)

Sem comentários: